Dinamometria isocinética (Cybex®) – Avaliação e treinamento isocinético

A Dinamometria Isocinética consiste em uma análise muscular computadorizada, onde são avaliados os possíveis desequilíbrios e déficits musculares que levam ao desgaste prematuro das articulações, fornecendo-nos dados de força, potência e resistência muscular proporcionando orientação e direcionamento na reabilitação e/ou treinamento muscular.

Inicialmente era utilizada somente para avaliar atletas com alta performance. Atualmente mostra-se um importante equipamento de análise muscular, pois testa a capacidade máxima e/ou submáxima do músculo em toda amplitude de movimento determinada sem que haja sobrecarga, o que garante ao paciente total segurança na realização do exame.

Como é realizada a Avaliação Isocinética?
Por meio de um aparelho chamado Dinamômetro Isocinético Computadorizado, que registra o trabalho realizado através do movimento articular e assim determina déficits e desequilíbrios musculares em forma numérica e gráfica.

Para quem está indicada esta avaliação?
Pessoas que sofreram lesões articulares, musculares, ligamentares ou tendíneas. Pacientes pós- cirúrgicos ortopédicos, para avaliação dos resultados pós-reabilitação e liberação médica para atividades diárias e esportivas. Atletas amadores ou profissionais, a fim de avaliar risco e prevenir lesões, atuando como orientador no seu treinamento/ reabilitação.

Quais articulações podem ser avaliadas?
Ombro, cotovelo, punho, quadril, joelho, tornozelo e coluna lombar.

O que o exame nos mostra?
Força máxima, média e seus déficits; Força desenvolvida em relação ao peso corporal; Comparação da força entre os lados direito e esquerdo (lesado e não-lesado, se há déficit ou não); Potência do músculo testado; Relação de equilíbrio entre os músculos que realizam o movimento; Evolução do tratamento de reabilitação (comparação de evolução com teste prévio); Resistência do músculo testado.

Quais as contraindicações para a Avaliação Isocinética?
Dor limitante da articulação a ser testada, limitação severa da amplitude articular, inchaço importante, lesões agudas, luxação aguda, fratura não-consolidada, gravidez, aneurisma, doenças crônicas sem controle (ex: diabetes, cardiopatias, crise de asma, epilepsia, problemas pulmonares).

Qual o preparo para o exame?
Não realizar atividade física 24 horas antes, alimentar-se 1 hora antes do exame (alimentação leve) e vestir roupa esportiva e tênis.

Todos podem fazer a Avaliação Isocinética?
Todos (jovem, adulto ou idoso) que não apresente restrições ou problemas físicos, durante ou após uma sessão de exercício físico.

Posso me lesionar ao realizar este exame?
Este exame é extremamente seguro, uma vez que a resistência (carga) empregada é reativa, ou seja, proporcional à força aplicada, logo, quanto mais forte o paciente mais pesado fica o equipamento, assim ocorre com pessoas mais fracas onde a carga é proporcionalmente reduzida. A amplitude também é sempre monitorada dentro de uma zona de conforto, de forma a nunca deixar seus músculos extremamente tensos. Se o paciente apresentar dor durante o movimento ele responderá com diminuição de força e o aparelho imediatamente diminuirá a resistência fornecida, oferecendo acomodação para dor e fadiga.

Preciso consultar um médico antes de realizar uma Avaliação Isocinética?
Caso o paciente possua algum problema ortopédico, cardíaco ou pulmonar, uma consulta médica é importante.

O resultado do exame é obtido em quanto tempo?
O resultado do exame é emitido via internet em até 72 horas após a realização.

Agendar consulta